1 de Maio do GEP – Fim das prisões, perseguições e extermínios! Poder para o povo!

O Grupo de Educação Popular (GEP) todo ano organiza o “Dia da Trabalhadora e do Trabalhador”, lembrando as lutas históricas da classe operária e articulando as resistências do presente e do futuro. No ano que “Não vai ter copa!”, faremos atividades com debate e exibição do filme “Maio, nosso Maio” em mais de 30 escolas públicas do Rio, e duas atividades gerais que integrarão as nossas frentes de trabalho no Rio (Providência, Chiquinha Gonzaga, Escolas públicas, UERJ e Mangueira).
No dia 1 de Maio assistiremos com a turma do Pré-Vestibular Machado de Assis (GEP-Provi), moradoras/es das ocupações sem-teto Chiquinha Gonzaga e Quilombo das Guerreiras, e Mangueira, a peça “Sacco e Vanzetti”, em cartaz no Armazém da Utopia (Porto do Rio, 21h) e que conta um pouco da vida e da luta destes dois anarquistas condenados a morte pela justiça dos Estados Unidos (EUA) por lutarem por um mundo sem exploração e injustiça. Uma peça e uma história, infelizmente, extremamente atuais, já que as prisões e perseguições políticas só aumentam. Como fez a classe trabalhadora de todo mundo quando Sacco e Vanzetti estavam presos, precisamos gritar pela liberdade de Rafael Braga, Caio Silva, e todos os presos políticos encarcerados nas prisões de todo o mundo.
Dia 24 faremos o fechamento do “Nosso Maio” no Morro da Providência, com luta, teatro, música e união contra o extermínio do povo negro e favelado.

Dia 1 de Maio, dia de lutar, lembrar e resistir!
LIBERDADE PARA OS PRESOS POLÍTICOS!

sacco rafael 4 rafael 3 DSC00879

Esta entrada foi publicada em Uncategorized e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.